Seguidores

Translate

21/05/2019

Coxinhas de frango.


Coxinhas de frango.

Depois das empadas estes são os meus salgados preferidos, umas deliciosas coxinhas de frango. Não são dos mais fáceis de moldar, pelo menos para mim, mas vale a pena o esforço.





Receita elaborada na Kcook Multi
Pratos: Salgados
Doses: +/-40 unidades, dependendo do tamanho.

Ingredientes Recheio:

10g de salsa picada
1000g de água
1 .c.chá de sal
600gr de peito de frango c/ pele cortados em pedaços médios
1 folha de louro
3 dentes de alho
150g de cebola
30g de azeite
140g de milho cozido
1 caldo tipo Knorr de galinha ( a kcook multi faz)
1 c.sopa de colorau
120g de tomate aos pedaços

Massa:( fazer 2 vezes, por isso precisa do dobro dos ingredientes)
310g de farinha tipo 65
30gr de azeite
400gr da água de cozer o frango
4 ovos batidos para panar
Pão ralado q.b para panar.
Óleo Q.b para fritar

Preparação do recheio:
Etapa 1:
Monte a taça com o misturador, coloque o frango, á água, 2 dentes de alhos inteiros, a folha de louro, o sal e o caldo de galinha e programe 100º/20 minutos/vel. 4.

Etapa 2:
Retire o frango e reserve a água da cozedura. Retire a pele ao frango e reserve.
Monte a taça com a lamina de corte, coloque metade do frango e desfie 25seg/vel8. Retire e reserve. Proceda da mesma forma para outra metade.
Etapa 3:
Monte a taça com a lâmina de corte coloque a cebola e os alhos e pique pressionando chop 15 seg, tire a lâmina, coloque o misturador, junte 30gr de azeite, o tomate e refogue 120º/4 minutos/vel 4.
Etapa 4:
Junte o frango, o milho, o colorau, 50gr da água de cozer o frango e programe 100º/ 2 minutos/vel 5.
Retire e deixe arrefecer, antes de fazer a massa.

Preparação Massa:
Vai fazer o mesmo processo por duas vezes, como a massa se molda melhor morna, faça uma e quando estiver a terminar faça a outra.
Etapa 1:
Pese a farinha e reserve.
Monte a taça com a lâmina de corte, coloque 400gr da água de cozer o frango, 30gr de azeite, sal e aqueça  100º/5 minutos/vel 4. Adicione a farinha reservada e misture30seg/vel10.
Retire para uma superfície untada com azeite e espalhe a massa para arrefecer um pouco
Etapa 2:
Depois de morna, dividida a massa em 20 partes. Faça pequenas bolas e com o dedo pressione o centro das mesmas formando um buraco. Coloque o recheio, feche dando a forma de uma coxa. Passe pelos ovos batidos e pelo pão ralado reservado. Frite em óleo abundante e quente.
Retire e coloque sobre papel absorvente para eliminar o excesso de óleo.

Pode congelar e fitar quando quiser.

20/05/2019

Tisana de hibisco, canela e limão.


Tisana de hibisco, canela e limão.

Eu tenho imensa dificuldade em beber água simples, não sei porque, simplesmente não me apetece, mas se tiver uma tisana fresquinha ou uma água aromatizada, essa desce muito bem.
E o importante é mantemos-mos hidratados e beber bastantes líquidos, principalmente em dias quentes.
Dizem que a mistura do hibisco e a canela é um diurético natural, ajudando a acelerar o metabolismo, além de ser uma excelente forma de reduzir a retenção de líquido.





E pode ver outra sugestão  diferente aqui:
Aqui fica a receita
Elaborada na bimby/Thermomix
TM31/TM5/TM6

Ingredientes:
1200 gr de água
10gr de hibisco
2 paus de canela
1 limão partido em rodelas finas
Gelo a gosto.

Preparação:
Coloque a água no copo e programe 10 minutos/100º/vel 2.
Junte os paus de canela e o hibisco e mantenha o copo fechado, deixe repousar 10 minutos.
Num jarro coloque o limão cortado em rodelas finas.
Com a ajuda do cesto, coe o chá e verta sobre o limão.
Beba quente ou frio.
Eu prefiro com gelo.

Polvo à lagareiro


Polvo à lagareiro

Hoje tive direito a polvos acabados de pescar, o que é ótimo pois são frescos e aqui da costa.
Agora lavar os bichos é que não é tarefa nada fácil, mas apreendi um truque que ainda não pus em prática, pois quando me o disseram eu já tinha limpo os mesmos. Mas o truque é esfregar os mesmos com um bom punhado de sal, que a ranhoca sai toda, da próxima vez já sei.
Desta vez saiu polvo á lagareiro que é o preferido cá de casa, os outros vou guardar para outras reseitas
Eu juntei umas couves de bruxelas que adoro.
Pode substituir a batata normal por batata doce se preferir, pois nutricionalmente são mais interessantes que a batata branca.






Receita elaborada na kCook Multi
Prato: Peixe
Doses: 6
Tempo de preparação: 15 minutos
Tempo de confeção:

Ingredientes:
1 ou 2 polvos 1700gr (descongelado)
1 cebola média com casca
150gr de azeite
5 dentes de alho
5 pés de coentros
500gr de água
1kg de batatinhas pequenas com casca
500gr de couve de bruxelas (opcional)
6 ovos (opcional)
Sal. Q.b


Preparação:
Etapa 1:
Coloque as batatas e os ovos no tabuleiro de vapor e polvilhe com sal, coloque o tabuleiro do meio e coloque as couves de bruxelas, polvilhe com sal, feche o tabuleiro de vapor e reserve.
Etapa 2:
Monte a taça com o misturador, junte a água, a cebola, 50g de azeite, o polvo inteiro, feche a taça e coloque o tabuleiro de vapor em cima. Programe 120º/30 minutos/ velocidade 2.
Etapa 3:
Retire o tabuleiro de vapor e reserve, coloque sal no polvo, volte a colocar o tabuleiro e programe mais 10 minutos120º/10 minutos/vel1.
Etapa 4:
Retire as batatas, de um murro em cada uma e coloque num tabuleiro, escorra a água ao polvo e junte-o no tabuleiro.
Etapa 5:
Monte a taça com a lamina de corte, coloque os dentes de alho e os coentros e pressione chop 15 seg. Retire a lâmina, insira o misturador, junte 100gr de azeite, refogue 120º/3min/vel.4

Regue o polvo e as batatas e leve ao forno a 180º por 20 minutos.


Sirva quente, com as couves.


ATENÇÃO: ESTA QUANTIDADE DE ÁGUA É PARA COZER POLVO AO MESMO TEMPO QUE UTILIZAMOS O TABULEIRO DE VAPOR PARA COZINHAR ALGO, CASO SÓ VA COZER O POLVO USE 300GR DE ÁGUA.

18/05/2019

Carne de acém, com cogumelos e puré de batata doce.


Carne de acém, com cogumelos e puré de batata doce.

Aqui fica a receita e mil desculpas pelo atraso, o dia nem sempre nos corre como desejamos.
Aproveito para partilhar convosco que finalmente encontrei uma loja/Talho/Site que vende carne de vitela, vitelão e borrego de boa qualidade a preços acessíveis, mesmo para quem compra hambúrgueres e carne picada, esta é 100% carne, sem aditivos ou outros adicionados, só carninha.
A loja é o Solar da Giesteira e a carne é de facto isenta de hormonas, aditivos e antibióticos e não tem comparação com a carne que geralmente encontramos nos talhos.
Os animais são criados ao ar livre em pastagem natural com bolota. A carne é super tenra, suculenta e saborosa, algo a experimentar.
Entregam em casa, embalada a vácuo ou congelada.

Fiquei fã e partilho convosco, podem fazer encomendas aqui, ou tirar qualquer dúvida ou saber as seja por email ou na página do Facebook, que eles respondem muito rápido e tiram qualquer dúvida.
Aqui podem ver as zonas e dias de entrega:
Agora vamos a receita, este é o tipo de receita que faço quando sei que vou chegar a casa tarde a más horas, assim deixo a cozinhar quando saio de casa, e quando volto é só terminar algo ou fazer o acompanhamento.
Neste caso fiz o acompanhamento antes, pois o mesmo pode ser aquecido depois no micro-ondas.







Receita elaborada na Kcook Multi
Prato: Carne
Dose: 5
Tempo de preparação: 20 minutos
Tempo de confeção: 8 horas

Ingredientes:
1200kg de Acém
2 chalotas ou 1 cebola
3 dentes de alho
1 folha de louro
1 colher de café de cominhos em pó (opcional)
50gr de azeite
Sal e pimenta a gosto
2 colheres de sopa de vinagre de cidra
600gr de cogumelos marron laminados
1200gr de batata doce
400g de bebida de amêndoa ou outra bebida vegetal
Cebolinho para decorar
Salada a gosto para acompanhar.

Preparação puré de batata-doce:
Etapa 1:
Monte a taça com a lâmina de corte, coloque a bebida de amêndoas e sal.
Etapa 2:
Monte o direct prep com o disco de corte nrº 5, e corte as batatas diretamente para dentro da taça. De seguida programe 100º/20 minutos/velocidade 4.
De seguida triture 1,30 minutos/vel 8. Retire e reserve.

Nota: Se não usar o direct prep para cortar é possível que dependendo do tamanho possa precisar de mais tempo para cozer.
Se for usar leite de origem animal, alter a temperatura para 90º e o tempo para 30 minutos.


Preparação carne:

Antes de começar, tempere a carne com o sal, pimenta, cominhos, vinagre e 1 colher de sopa de azeite, envolva toda a carne nos temperos e reserve.

Etapa 1:
Monte a taça com lâmina de corte, coloque as chalotas e os dentes de alho e pique pressionando chop 15 seg.
Retire a lâmina, coloque o misturador e o azeite e o louro e refogue 120º/3 minutos/vel 4.
Etapa 2:
Retire o misturador, coloque a carne e os sucos e programe 95º/7horas/ sem velocidade.
Etapa 3:
Retire a carne e reserve e mantenha o molho na taça.
Coloque o misturador, coloque os cogumelos e retifique o sal, caso seja necessário e programe
160º/6 minutos/vel 6 e depois mais 180º /4 minutos/vel 4, neste passo de cogunhar os cogumelos não use a tampa de enchimento, para o molho evaporar e apurar melhor.

Regue a carne com os cogumelos e o molho e sirva com o puré quente polvilhado com cebolinho.
Espero que gostem tanto quanto eu.







14/05/2019

Molotof com doce de ovos.


Molotof com doce de ovos.

Esta receita já andava aqui perdida desde o Natal.

E não, não foi elaborada em nenhum robot de cozinha, não porque bater claras com um robot seja difícil, mas bater claras com um robot de lâmina e ficar com este volume de claras não se fica. Claro que conseguem fazer molofof na mesma. Mas se têm aí uma batedeira de mão, dê-lhe uso, que fica melhor e é mais rápido.




Ingredientes:
15 claras
1 pitada de sal
15 colheres de sopa rasas de açúcar branco
6 colheres de sopa de caramelo
Uma forma 28 barrada com manteiga e polvilhada com açúcar Branco.

Preparação:
Pegue na velhinha batedeira que tem escondida no armário e bata as claras com a pitada de sal até estarem em Castelo, junte o açúcar e bata mais uns 2 minutos, junte o caramelo e bata mais 1 minuto.
Ligue o forno a 180 graus. 

Trasfira para a forma já barrada e polvilhada as claras batidas. Bata com a forma na bancada umas 2 ou 3 vezes, para que todo o ar saia.

Leva ao forno pré aquecido 1 minuto por cada clara, neste caso a minha foi 15 minutos.
Desligue o forno e deixe arrefecer uns 30 minutos.

Retire, deixe arrefecer completamente é desenforme.

Simples e fácil.

Depois ou cubra com caramelo líquido ou com doce de ovos.


11/05/2019

Néctar de morango – Tipo Compal


Néctar de morango – Tipo Compal

Se a vida te dá limões faz limonada se te da morangos faz limonada de morangos ou se tens muitos transforma num delicioso néctar de morango sem corantes nem conservantes e com a vossa fruta. Basicamente a proporção de fruta água é igual para toda a fruta, vai depender se gosta dele mais espesso ou mais líquido. Aqui a proporção certa é esta.

Uma nota importante:
Frutos vermelhos, morangos, tomate têm por hábito ao ferver fazer espuma e fazer subir o preparado, dai eu acrescentar a água em 2 vezes, para que não transborde. Comecei por usar os 100 graus e já vinha a subir, dai ter alterado para os 99º… Esta máquina é mesmo rápida a cozinhar e a temperatura que atinge é mesmo a indicada, por isso é importante salvaguardar a segurança do seu equipamento. Não vire as costas ao seu robot de cozinha quando estiver a cozinhar este tipo de frutas.





Receita elaborada na Kcook Multi
Pratos: Bebidas
Dose: 1500 ml
Tempo de preparação: 10 minutos
Tempo de confeção: 19 minutos

Ingredientes:
600gr de morangos sem pé
70gr de açucar
Sumo de meio limão
1 lt de água

Preparação:
Etapa 1:
Monte a taça com a lâmina de corte, junte os morangos partidos em quartos, o sumo do limão, o açúcar e 400gr de água. Cozinhe 99º/15 minutos/vel 6. Quando terminar pressione chop até ficar 2 minutos.
Etapa 2:
Junte a estante água e programe 100º/3minutos/vel 6

Etapa 3:
Verta para garrafinhas individuais ou 1 grande já esterilizadas. Espere arrefecer e guarde no frio até 5 dias.

Espero que tenham gostado.

Bolo de Cenoura, Limão e canela.


Bolo de Cenoura, Limão e canela.
Quase que lhe mudava o nome para bolo escangalhado…
Faço este bolo a tanto tempo e ainda não foi desta que consegui uma foto de jeito, das outras vezes é porque é logo atacado mal sai da forma, ou porque me esqueço de tirar a tempo.
Desta vez a culpa não foi do forno, nem da forma, nem da massa, foi minha mesmo. Uma pessoa anda a mil á hora, o forno apita e eu com o piloto automático ligado, abro tiro o bolo, coloco um prato em cima e vira, ele não saia e eu abano, ele lá saiu, metade é que ficou na forma… Nem parece coisa minha, que espero sempre uns 10 a 15 minutos antes de desenformar o bolo. Pois isso não fiquem tristes, que não é só por ai que acontece… E como o meu marido diz, ele não se vai comer inteiro e não… Mas pronto apesar de tudo ainda consegui uma parte bonitinha para uma foto bonitinha… Só para enganar a malta 😊 😉.
Quanto ao bolo é super fofo e delicioso, e dos preferido cá em casa.





Estas formas além de serem lindas e dão um formato lindo aos bolos.
Se gostam destas formas e quiserem comprar uma, aproveitem que consegui junto da Sweet Selection um desconto de 10% não só sobre as formas, mas em todas as compras que efetuarem no site, não acumulável com campanhas em vigor o código é: GRAÇA10.

Receita elaborada na Kcook Multi
Pratos: Bolos
Doses: 12 fatias
Tempo de preparação: 15 minutos
Tempo de confeção: 60 minutos.

Ingredientes:
350g de farinha tipo 55 (usei branca de neve)
400g de açúcar
75 g de óleo
350g cenoura raspada fininha
2 limões raspa e sumo
6 Ovos inteiros
1 Colher de sopa de canela cheia
1 Colher de chá cheia de fermento

Preparação:
Etapa 1:
Monte o direct prep com o disco de corte nr  e com o acessório para os legumes não saírem disparados montado. Coloque um recipiente por baixo e rale a cenoura. Junte as raspas de limão e o sumo do mesmo e reserve.
Num recipiente pese a farinha, junte a canela e o fermento. Reserve.

Etapa 2:
Monte a taça com o batedor, coloque os ovos e o açúcar e bata 37º/6minutos/vel 8 e de seguida bata mais 6 minutos/vel 8.

Etapa 3:
Retire o batedor, insira a lâmina, junte na taça a cenoura com o limão reservada, o óleo e a farinha e envolva 15 seg/vel8
Unte uma forma em forma de coroa e polvilhe com farinha verta o preparado e leve ao forno por 45 minutos a 170º.(o tempo pode variar de forno para forno, faça o teste do palito)

Ou forre um tabuleiro com papel vegetal e manteiga. Meter o preparado no tabuleiro levar ao forno a 170º
Este bolo é fofo e húmido, não suporta o peso da pasta de açúcar.
Espero que gostem, se gostar venham cá dizer, que é sempre bom receber o vosso feedback, seja ele positivo ou negativo.

Visitem-me aqui:
Pinterest:
Facebook:
Instagram:

Bifes de peru estufados com cenoura e pimentos.


Bifes de peru estufados com cenoura e pimentos.

Uma pessoa habitua-se a cozinhar sem lâmina e depois não quer outra coisa, e assim saíram uns bifes de peru muito saborosos, e macios e inteiros, bem inteiros não estão que os bifes eram grandes e eu parti em 4. Quando digo inteiros é que não estão desfiados.
Os quais pode acompanhar com uma batata doce assada, ou frita numa fritadeira de ar quente, uns legumes cozidos, uma salada, ou um "arroz" de couve flor que pode ver aqui:
https://gracatruquesdicas.blogspot.com/2018/07/arroz-de-couve-flor-kcook-multi.html





Receita elaborada na kcook Multi
Prato: carne
Doses: 6
Tempo de preparação: 15 minutos
Tempo de confeção: 45 minutos

Ingredientes:
1200gr de bifes de peru cortados em quartos ou ao meio (dependendo do tamanho dos mesmos)
300gr de cebola
4 dentes de alho
50gr de azeite
400gr de tomate maduro sem sementes, em pedaços pequenos
250gr de cenouras
170gr de pimento vermelho as tiras de cerca de 1 cm
1 colher de chá cheia de tomilho seco
1 folha de louro
Sal q.b
Pimenta q.b
50 gr de azeite

Preparação:
Etapa 1:
Parta os bifes e tempere com sal e pimenta. Reserve.

Etapa 2:
Monte a taça com o misturador, junte o azeite e os pimentos cortados, o tomate, o tomilho e um pouco de sal.
Monte o direct prep com o disco de corte nr 5, rode o mesmo para dentro da taça e corte a cebola, os alhos e a cenoura. Retire o direct prep e programe 100º/15minutos/vel4.


Etapa:3
Retire o misturador, junte os bifes, envolva no refogado e programe 99º/25minutos/ sem velocidade. (abra e veja se os bifes estão ao seu gosto, dependendo da grossura dos mesmo podem precisar de mais uns minutos).


Sirva quentes com um acompanhamento a gosto.

09/05/2019

Tarte de ananás


Tarte de ananás

Esta receita estava esquecida no caderno das receitas, foi para aproveitar umas fatias de ananás que andavam lá perdidas no frio.

Fica assim uma tarte tipo bolo, baixinha e húmida, boa para acompanhar um chá quentinho nos dias frios.

E muito rápida de se fazer.





Receita elaborada na Kcook multi
Pratos: Bolos
Doses: 8
Tempo de preparação: 5 minutos
Tempo de confeção: cerca de  3 minutos
Tempo total: 30 minutos

Ingredientes:

200gr de farinha tipo 55
1 c.chá de fermento
160gr de açúcar
4 ovos L ou 5 M
30gr de óleo
80gr de leite
220gr de ananás em lata, e caso tenha sumo/calda reserve.
Açúcar em pó q.b para polvilhar (opcional)

Preparação:

Etapa1:
Corte as fatias do ananás em pedaços e reserve.
Monte a taça com a lâmina de corte e junte o leite, o açúcar, os ovos, o óleo e a farinha e bata 2minutos/vel 8, junte o fermento e misture 10seg/vel8.

Etapa2:
Pré-aqueça o forno a 180º
Verta para uma tarteira ou forma de fundo amovível e cubra com os pedaços de ananás.
Leve ao forno cerca de 25 minutos a 180 graus, faça o teste do palito, pois o tempo de forno pode variar de forno para forno.

Quando tirar do forno e caso tenha, pode humedecer a tarte com a calda e polvilhar com açúcar em pó.

Truques & Dicas: Se tiver pêssego em vez de ananás também pode usar.


Javali com batata cozida.



Javali com batata cozida.

Hoje saiu javali em slowcook, com umas batatas cozinhadas no molho e uns brócolos cozidos.
Resultou numa carne tenra e saborosa, e com um molho guloso para ensopar umas fatias de pão.
Javali é uma carne que não se encontra usualmente nos talhos, embora coma frequentemente, é em casa do meu irmão, ou em petiscadas de caçadores, afinal é uma carne de caça, e venho de uma família de caçadores. Nunca tinha cozinhado tal carne.
E numa “incursão” a um pequeno talho local, estava uma placa escrita a mão, Temos Javali. Nem pensei duas vezes, vamos lá levar uns pedaços desta carne para experimentar cozinhar.
O porquê de querer trazer esta carne, é porque é criada ao ar livre, sem hormonas, nem antibióticos, uma vez que não se cria javali em cativeiro. Então entusiasmei-me e quase trouxe meio javali… hehehe, trouxe 1 pá para assar/guisar, entrecosto para assar ou grelhar e 2 kg de bifes, e um pedaço de perna.
Para quem nunca experimentou é muito idêntica a carne de porco, afinal são da mesma família, é mais escura e com um sabor mais acentuado, mas deliciosa.
No próprio dia grelhei uns bifes, só com sal, e ficaram tenros e saborosos, acho que a textura/tenra também deve depender se o javali é mais jovem ou não… mas isto digo eu que não percebo nada de caça.
Quanto ao talho onde comprei, pasmem-se… não têm Facebook, nem página na net, nem instagram…  ohhhhhhhhh…. Como é que é possível… Li algures num email que me remeteram, que se não existes online, não existes de todo…. (piada).
Por isso se é aqui da zona de Mafra ou arredores e deseja comprar/experimentar Javali, e não só, passando a publicidade gratuita, não só pela boa carne, mas pela simpatia do Srº João aqui fica :
Foi no talho “O Caseiro” que fica na Rua do Pinheiro, Loja 1B, em Mafra, mesmo de frente para a rotunda que faz a ligação Mafra/Ericeira pela via rápida. Como é algo que julgo não existir com frequência o melhor é ligar e perguntar se têm, antes de lá ir parar, o contacto é 261 815 362 / 919024264. E não vale a pena dizerem que vêm da minha parte… Que o senhor não sabe quem sou eu…. Hehehe.
Segundo o Talhante, o javali deve ser temperado pelo menos de um dia para o outro, para ficar melhor, mais saborosa, e eu como aprendiz obdeci.





Vamos lá a receita.
Receita elaborada na Kcook Multi.
Pratos : Carne
Doses: 6
Tempo de preparação: 20 minutos
Tempo de marinada: 24horas
Tempo de confeção: 3:20h.

Ingredientes:
Marinada:
1600g de pá de javali partida em 4 pedaços.
2 ramos de tomilho fresco ou uma colher de sopa de tomilho seco
1 colher de sopa de pimenta preta em grão
Sal q.b
100gr de vinho tinto
100gr de vinho branco


Refogado:
300gr de cebola em fatias grossas
100gr de tomate em cubos
60gr de azeite
4 dentes de alho
1 folha de louro

Acompanhamento:
1200gr de batata cortadas em quartos
800gr de brócolos cozidos

Preparação:
Coloque a pá do javali num recipiente e junte os dentes de alhos picados, o tomilho, a pimenta, o sal e os vinhos, deixe marinar no frio de um dia para o outro.

Etapa 1:
Monte a taça com o misturador, coloque a cebola fatiada grosseiramente, os dentes de alhos fatiados, a folha de louro e o azeite e programe 120º/5 minutos/vel 4.

Etapa 2:
Retire o misturador, junte o tomate envolva com a espátula, coloque a carne na taça, junte 100gr da marinada e programe 98º/3h/sem velocidade.


Etapa 3:
Retire a carne para um tacho e mantenha fechado, mantenha o molho na taça, coloque o misturador e junte as batatas, programe 99º/15 minutos/vel1.  (dependendo do tamanho e qualidade das batatas, poderá precisar de mais uns minutos, verifique se já estão cozinhadas ao fim dos 15 minutos, se não programa mais uns minutos a mesma temperatura e velocidade).

Etapa 4:
Verta as batatas e o molho sobre a carne e sirva com os brócolos cozidos.
Bom apetite.

Truques & dicas:
Caso queira deixar a carne a fazer por mais horas, por exemplo deixar a fazer enquanto vai trabalhar programe 6 horas a 90º.

 

Graça - Truques & Dicas Template by Ipietoon Cute Blog Design